Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Livros impecáveis durante mais tempo

por Magda L Pais, em 13.11.17

Alguns cuidados básicos são suficientes para dar mais vida aos seus livros, permitindo-lhe lê-los e relê-los sempre que lhe apetecer.

Quem gosta de livros e de os ler gosta de os manter em bom estado por longos anos para ler, reler e até mesmo emprestar sempre que o desejar. A humidade deve ser um dos principais fatores a ter em atenção para preservar a saúde dos seus livros. Demasiada humidade pode provocar o aparecimento de bolor, por exemplo, pelo que o ideal é manter os livros em ambientes frescos e secos, afastados da luz direta do sol, que pode desbotar e entortar as capas dos livros. Ambientes húmidos são também propícios ao aparecimento de bichos-da-prata, que se alimentam de papel, amido e açúcares, podendo danificar as páginas dos livros.

Espaço q.b.

Mantenha os livros na vertical, com algum espaço entre eles que permita retirá-los do local onde se encontram com relativa facilidade e sem puxar pela parte de cima da lombada, o que contribui para a danificar precocemente. Deve igualmente, se for o caso deixar alguns centímetros de distância entre o topo do livro e a prateleira de cima para permitir a circulação de ar.
Se os livros forem muitos e o espaço escassear, a solução é rentabilizar os espaços disponíveis: prateleiras por cima das portas, junto à parede nos degraus de uma escada ou no vão da mesma, à volta de janelas, numa estante baixa com rodas aos pés da cama, sobre a cabeceira da cama, em cestos de rede na cozinha ou quarto das crianças…

Quando os guardar

Antes de arrumar um livro, retire marcadores, post-its, flores secas ou recortes de papel do seu interior para não prevenir marcas e manchas futuras. Se costuma forrá-los pra não os estragar durante a leitura, retire também a forra não só para poder identificar mais facilmente o livro depois de arrumado, mas também para evitar danos na capa.
Procure manter os livros mais pesados nem muito próximos do chão nem em locais muito altos para tornar mais fácil o seu acesso. Certifique-se ainda que as prateleiras aguentam o peso dos livros para não abaularem ou caírem, o que pode não só estragar os livros como ainda comprometer a integridade física das pessoas ou animais que se encontrem por perto.

Na hora de os ler

Antes de manusear um livro, certifique-se de que tem as mãos limpas. Gordura e saliva, além de mancharem as páginas, aceleram a decomposição do papel.

 

Recebi este texto por email, na newsletter da Cetelem, e achei pertinente partilhar convosco.

Autoria e outros dados (tags, etc)


20 comentários

De Just_Smile a 13.11.2017 às 12:10

Pena o último ponto não ser o que mais pratico... Adoro petiscar enquanto leio :P

De Magda L Pais a 13.11.2017 às 12:15

daí a grande vantagem daquele suporte que compramos! ahahahaahahah eu uso-o imenso

De Just_Smile a 13.11.2017 às 12:17

Continuo a sujar a página quando a viro :P

De Magda L Pais a 13.11.2017 às 12:58

ahahaahahahahahaha tambem eu!

De Anónimo a 14.11.2017 às 09:13

Talvez o meu grande "pecado" seja deixar os marcadores (geralmente postais e cartões) entre as páginas sempre que acabo um livro.

De Magda L Pais a 14.11.2017 às 09:21

esse é o pecado que acho que todos cometemos ahahahahaah na verdade eu, por norma, esqueço-me de tirar o marcador que as editoras/livrarias oferecem. eu uso um marcador de PVC (ou lá o que é este material) e como é sempre o mesmo, esse retiro.

De Anónimo a 14.11.2017 às 09:43

Mas fica aqui uma ressalva. Habitualmente uso um marcador bordado pela minha Mãe com o meu lema de Vida. Quando o livro estás prestes a terminar, aí sim, faço deliberadamente a troca.

De Magda L Pais a 14.11.2017 às 09:45

um marcador bordado? também deve ser bonito. e qual é o lema? :)

De Anónimo a 14.11.2017 às 09:53

Sonhar Acreditar Realizar. Passe a vaidade, mas foi uma criação minha há uma série de anos que começou por um painel de azulejos e pouco depois se transformou num pequeno carimbo, com o qual personalizo os livros.

De Magda L Pais a 14.11.2017 às 09:57

olha que é um bom lema de vida, sem dúvida

De Anónimo a 14.11.2017 às 10:08

Obrigada pelos palavras.

De A rapariga do autocarro a 14.11.2017 às 10:36

Tudo muito lindo, mas e praticar??? Humm, lá em casa estão tão apertadinhos que por vezes quase preciso dum pé de cabra para os tirar da prateleira!! E migalhas pelas páginas, ui, ui... Mas há um cuidado que tenho, leio com luvas se coloquei creme nas mãos à pouco tempo, normalmente acontece à noite!

De Magda L Pais a 14.11.2017 às 11:19

a falta de espaço nas prateleiras é tramado! concordo em absoluto

eu nunca ponho creme nas mãos ahahahaahahahah quanto a migalhas... então e a areia da praia?

De Anónimo a 14.11.2017 às 11:48

Ai que vergonha! Estou agora a lembrar-me duma peripécia! Contudo já me redimi!

De Anónimo a 14.11.2017 às 12:08

No final da minha adolescêscia tentei ler "O som e a fúria" numas férias de Verão. Assumo que ainda não estava preparada para tal passo e quem pagou foi o pobre do livrinho de bolso! Fazia covas na areia, enterrava-o, punha a toalha por cima, enchia-me de pesar e lá procedia eu a mais uma exumação! Cheio de rugas e areia é talvez o livro mais maltratado que eu tenho em casa. Mais tarde tentei, mas reconheço que não é uma obra fácil!

De Magda L Pais a 14.11.2017 às 12:12



pobre do livro....

os meus livros também vão até à praia mas nunca foram enterrados. A menos que caiam por acidente

De Edite a 14.11.2017 às 16:52

Quando era miúda costumava ler e comer. Hoje sei exatamente quais os que li

De Magda L Pais a 14.11.2017 às 20:21

Ainda hoje faço isso... :p

Comentar post




Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.