Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Mais Maldito Karma

por Magda L Pais, em 27.03.16

28674605.jpg

Mais Maldito Karma de David Safier

Editado em  2016 pela Editorial Planeta

ISBN: 9789896577391
 
Sinopse
Daisy Becker é uma actriz de segunda, a sua carreira está acabada e a vida pessoal é um caos. A ponto de ficar na rua porque não pode pagar a renda. Daisy conhece a estrela de Hollywood do momento, o arrogante Marc Barton, que está em Berlim a rodar o novo filme de James Bond. A sua relação começa da pior maneira. E piora quando, depois de morrerem num acidente de carro recebem o castigo por acumularem mau karma durante a vida: voltam a nascer como formigas.
 
A minha opinião
Maldito Karma foi um dos livros mais hilariantes que já li. Quando vi este Mais Maldito Karma fiquei logo com vontade de o ler na esperança de ter mais uns momentos de risada. Puro engano!
Mais Maldito Karma retoma a fórmula exacta de Maldito Karma e, talvez por isso, se perca o elemento surpresa, aquele que me fez rir tanto.
Em Maldito Karma, Kim morre num dia em que tudo corria mal. Em Mais Maldito Karma, Daisy morre num dia em que tudo corria mal. Em Maldito Karma, Kim ressuscita como formiga e tem de acumular bom karma para que, quando morrer, ressuscitar como um animal superior.. Em Mais Maldito Karma, Daisy ressuscita como formiga e tem de acumular bom karma para que, quando morrer, possa ressuscitar como um animal superior. Apesar de, após a formiga, os outros animais em que ressuscitam sejam diferentes, o princípio é o mesmo. Buda aparece em ambos os livros para explicar como funciona a morte e ressurreição (o que me leva a pensar que é um livro de leitura obrigatória na Páscoa).
Apesar de ter perdido o elemento surpresa e de não me ter feito rir como ri da primeira vez, a verdade é que gostei de o ler. Não ri mas foi uma tarde bem passada, sem ter de pensar demasiado no que estava a ler (e sim, foi lido numa tarde). Continuo com vontade de ler mais livros deste autor, pelos bons momentos deste livro e pelos momentos hilariantes do livro anterior.
 

Autoria e outros dados (tags, etc)


4 comentários

De Just_Smile a 28.03.2016 às 13:45

Isso dá realmente sensação de Dejavú! (será assim que se escreve? :P )

De Magda L Pais a 28.03.2016 às 13:56

não faço ideia se é assim que se escreve mas percebi a ideia e concordo plenamente. Foi a sensação que tive ao longo de todo o livro

De azulmar a 28.03.2016 às 14:14

Tive essa sensação quando li Um Mundo Sem Fim depois de ter lido os Pilares da Terra. É basicamente o mesmo livro, mas num século diferente.

De Magda L Pais a 28.03.2016 às 14:17

há semelhanças entre esses dois, de facto mas não tantas como aqui. Chega ao ponto de haver frases e sequências exactamente iguais.  E olha que eu li o primeiro há 3 anos... 

Comentar post




Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.