Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




11 livrarias que todos deveríamos visitar

por Magda L Pais, em 13.10.15

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Rebecca O’Connell, do Mental Floss considera que estas são as onze livrarias que todos devemos visitar. 

livraria_a.jpg

 Livraria Saraiva, Rio de Janeiro (Brasil) 

livraria_b.jpg

 Waanders in de Broeren, Zwolle (Holanda)

livraria_c.jpg

 La Caverne Aux Livres, Auvers-Sur-Oise (França)

livraria_d.jpg

 Book Barge, Staffordshire (Inglaterra)

livraria_f (1).jpg

 Faulkner House, Nova Orleães (Estados Unidos)

livraria_f.jpg

 Livraria da Vila, São Paulo (Brasil)

livraria_g.jpg

 Albertine Books, Manhattan (Estados Unidos)

livraria_h.jpg

 Bart’s Books, Ojai, Califórnia (Estados Unidos)

livraria_i.jpg

 Brazenhead Books, Nova Iorque (Estados Unidos)

livraria_j.jpg

 The Spotty Dog Books & Ale, Nova Iorque (Estados Unidos)

livraria_k.jpg

Libreria Alta Acqua, Veneza (Itália)

Fonte

Autoria e outros dados (tags, etc)

Próximo livro a ler

por Magda L Pais, em 13.10.15

 

Estou indecisa mas tudo indica que será A Verdade Sobre o Caso Harry Quebert de Joël Dicker

Autoria e outros dados (tags, etc)

Dia Mundial do Escritor

por Magda L Pais, em 13.10.15

12088272_1121297194564732_5741497859729150751_n.jp

Comemora-se hoje o dia Mundial do Escritor. Faço, por isso, e aqui, a minha homenagem a todos os que escrevem para que eu os possa ler. A todos os que me permitem sonhar acordada, viajar sem sair do sofá e viver histórias que não são minhas.

Mas, acima de tudo, faço a homenagem aos meus escritores favoritos - de hoje e de sempre. 

Ken Follett

AVT_Ken-Follett_89.jpeg

Porque este escritor não se limita a imaginar e escrever. Todos os seus livros tem um trabalho fantástico de investigação por detrás. É o próprio que explica como, em cada livro, traça a linha divisória entre a história e a ficção:

A regra que aplico é a seguinte: Ou a cena aconteceu, ou poderia ter acontecido; ou as afirmações foram feitas, ou poderiam ter sido feitas. E se encontrar alguma razão que impeça que a cena tivesse ocorrido na vida real, ou que uma dada afirmação tivesse sido feita - se, por exemplo, uma personagem se encontrava no estrangeiro nesse momento - elimino-a.

E é esta regra simples, conjugada com a qualidade da escrita que já me habituei com Ken Follett que o tornam num dos meus escritores favoritos.

Marion Zimmer Bradley

MarionZimmerBradley.jpg

Pelas Brumas de Avalon mas também por todos os outros livros que tive oportunidade de ler desta escritora. Esquecemos-nos que estamos a ler ficção e entramos de alma e coração na ficção que ela cria magistralmente.

John Grisham

news-grisham.jpg

Descoberto por recomendação dum vendedor na Feira do Livro de Sesimbra. Por norma não ligo nenhuma às pseudorecomendações que aparecem de outros autores ou na contra capa, feitas por outros autores ou jornais. Mas num dos livros que li deste escritor dizia assim "tenha cuidado se for a ler Os Litigantes no autocarro, pois poderá perder a sua paragem" - Independent. Bem, na verdade, não perdi a paragem do autocarro. Mas perdi a do metro...

João Pinto Coelho

ng4298024.jpg

Finalista do prémio Leya com o seu romance de estreia Perguntem a Sarah Gross, conseguiu, com apenas este livro, entrar para o meu rol de autores favoritos. Venham de lá mais livros, arranjarei, com certeza, espaço nas mui ocupadas estantes lá de casa para o ter. É um autor que me apetece!

Anne Bishop

26897.jpg

Gostar de fantasia e não conhecer Anne Bishop é um crime quase com direito a prisão perpétua. Algumas das suas personagens são tão reais que quase que esperamos encontrá-las aqui ou ali. E sim, as suas obras são sempre acompanhadas do mapa do mundo que nasce na sua imaginação para nosso gáudio. Excepto numa trilogia em que o mundo mudava de sítio consoante a pessoa queria. Fantástico!

Juliet Marillier

marillier-179.jpg

Mais uma descoberta por acidente. Há uns anos atrás comprei um livro desta autora (não me recordo o nome) e, dai para a frente, leio tudo o que publica. Os seus romances do fantástico tem, na maior parte dos casos, personagens reais, sendo conjugada a realidade e a ficção de uma forma de tal modo excepcional que ficamos na dúvida se foi mesmo assim que se passou. Sevenwaters é, talvez, a melhor série mas não a única que vale a pena ler.

E vocês, que autores/escritores são os vossos favoritos? quem vos faz sonhar mais? 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog

calendário

Outubro 2015

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031