Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




O sonho mantém-nos vivos

por Magda L Pais, em 07.06.16

- A ilusão do sonho, 'tás a ver? o sonho mantém-nos vivos. Aqueles que sonham não morrem porque nunca desesperam. Sonhar é esperar. O Grenouille morreu porque já não tinha o mais pequeno sonho.

- Não digas isso, paz à sua alma.

- Paz à sua alma, como queiras, mas é a verdade. No dia em que deixares de sonhar, mesmo que sejas o homem mais feliz do mundo, podes enfiar o cano de uma pistola na boca.

(...)

- Mas sei que vivo porque sonho todos os dias.

 

In Os Últimos Dias dos Nossos Pais de Joël Dicker

Autoria e outros dados (tags, etc)

As compras na FLLisboa2016

por Magda L Pais, em 07.06.16

IMG_0768.jpg

Vamos esquecer, por momentos, o meu momento muito Ups na Feira do Livro (desconfio que nem eu nem quem assistiu se vai esquecer mas façamos de conta que sim) e concentremos-nos no que é importante - os livros.

Ora eu levava a minha wishlist mas logo logo no primeiro pavilhão encontrei um livro que já me tinha sido recomendado várias vezes e que só estava à venda no Circulo de Leitores. O Rouxinol de Kristin Hannah. Depois de tanto procurar por ele, ali estava à minha espera pelo que o meti logo na sacola e, depois de o pagar (e antes de perceber que não me tinham roubado o telemóvel, eu é que o tinha guardado noutro lado) fui ver se encontrava os pacotes promocionais da Porto Editora. Não havia pacotes mas havia a trilogia As Faces de Victoria Bergman de Erik Axl Sund. Acabei por trazer também A Viela da Duquesa de Sveva Casati Modignani que me pareceu muito bem e ainda me ofereceram um livro de bolso, um da série Maigret.

Já contei que, na Editora Objectiva vieram A Verdade Sobre o Caso Harry QuebertO Livro dos Baltimore Os Últimos Dias dos Nossos Pais, todos eles de Joël Dicker e ainda Para onde vão os guarda-chuvas de Afonso Cruz.

A seguir fui à Cavalo de Fogo e comprei A Biblioteca e O Livro de Zoran Živkovic.

Ainda no rescaldo do disparate com o Joël Dicker fui abordada pela Sofia Almeida. Caramba, o que eu gostei que ela me cumprimentasse. Mais corajosa que eu que não sei se faria o mesmo.

Na Leya não comprei livros. Pelo menos para já. Foi uma novidade, confesso, que normalmente é um dos sítios onde me perco mas consegui evitá-lo.

Depois veio a desgraça do costume. A Saída de Emergência, com a oferta dum livro na compra de 3, com livros a 5 e 8 euros e sendo a editora onde estão vários autores que eu adoro... comprei vários livros: Doce Vingança e Pura Malícia de Jill Mansen, A Eleita de Kushiel e A Promessa de Kushiel ambos de Jacqueline Carey. Rebelde de Bernard Cornwell e Noite Silenciosa de Sherrilyn Kenyon.

todos.jpg

E quando cheguei a casa percebi que a Editora Objectiva ainda me tinha feito a oferta dum bloco notas giríssimo.

bloco notas.jpg

Em suma, uma tarde muito bem passada, na companhia de livros, do marido, da Maria e da Miss F, algodão doce e farturas. Não sei ainda se lá voltarei este ano mas tenho a certeza que, no próximo ano, lá estarei de novo.

 
*******************
Já participaram no Passatempo Voo Final?

Autoria e outros dados (tags, etc)



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog

calendário

Junho 2016

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930