Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Pecados na Noite

por Magda L Pais, em 07.11.18

12019227.jpg

 

Pecados na Noite de Sherrilyn Kenyon

Predadores da noite #8

ISBN: 9789897100130

Editado em 2011 pela Saída de Emergência

Sinopse

No universo dos Predadores da Noite existe um código de honra que até os imortais mais ousados devem seguir: Não magoar humanos. Não beber sangue. Nunca se apaixonar. Mas, de vez em quando, um Predador parece achar-se acima do código. É nessa altura que sou chamado. Quem sou eu? Sou a fúria que terá de enfrentar. Nada me pode tocar. Nada me pode deter. Sou implacável e insensível.

Ou assim pensava eu, até me cruzar com uma Predadora da Noite conhecida como Danger - e não o é apenas no nome, mas na forma como vive a vida. Não confia em mim. E quem sou eu para censurá-la? Apenas ela sabe que estou aqui para julgar, sentenciar e, muito provavelmente, executar os seus amigos.

Danger St. Richard é uma distração fatal. Algo nela conseguiu despertar um coração que eu julgava morto para sempre. Nesta corrida contra o mal, a única esperança da Humanidade é que eu cumpra o meu dever. Mas como poderei fazê-lo se isso significa sacrificar a única mulher que alguma vez amei?

A minha opinião

Fantasia, mitologia, romance, humor, erotismo. Por incluírem tudo isto, em doses certas e sem exageros (ou pelo menos sem exagero no romance e no erotismo), a saga Predadores da Noite é uma das minhas sagas favoritas. E digo saga porque, salvo erro, são - até agora - 21 livros. 20 editados pela Saida de Emergência e 1 (Acheroneditado pela Casa das Letras 

Claro que Sherrilyn Kenyon não é Anne Bishop, Robin Hodd ou Juliet Marrilier que, para mim, são os supra-sumos da fantasia (não, George RR Martin não entra no podium. Brandon Sanderson só não entra porque queria ler mais dele em português) mas, pelo percurso dela - da Sherrilyn Kenyon - e dos seus livros, é capaz de estar ali no top5.

Uma das coisas que realmente gosto é a possibilidade de cada um dos 21 livros poder ser lido de forma independente. Apesar de haver personagens comuns e de haver um pequeno fio condutor, cada livro conta-nos a história dum predador da noite. Ou, no caso de Pecados na Noite, do ser a que Acheron recorre quando precisa de meter os predadores da noite na ordem.

(vá-lá, os rapazes/raparigas vivem uns séculos e são imortais. Isso também lhes dá o direito de fazerem umas parvoíces de vez em quando, apesar de que, supostamente, a idade dá sabedoria. Ou então não).

Pecados na Noite é mais um livro que se lê num instantinho, que se devora enquanto se almoça ou se janta e que não queremos deixar de lado. Há só que ter algum cuidado para não se rirem em público, afinal pode haver quem ache que não é normal nos rirmos para um livro...

Leia aqui as primeiras páginas

Classificação: 

May we meet again

Conheces o meu blog generalista?

Que esperam para me acompanhar no facebook e no instagram?

Autoria e outros dados (tags, etc)



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog

calendário

Novembro 2018

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930