Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



As Sombras de Leonardo da Vinci

por Magda L Pais, em 20.03.18

39080980.jpg

As Sombras de Leonardo da Vinci de Christian Gálvez

ISBN: 9789897243677

Editado em 2018 pelo Clube do Autor

Sinopse

Século XVI. Os conflitos pelo poder nos Estados Italianos crescem ao mesmo tempo que as artes prosperam. A Igreja e famílias como os Médici e os Sforza detêm o domínio do território e das riquezas. Savonarola ganha seguidores. Verrocchio, Botticelli, Miguel Ângelo e Rafael são artistas respeitados.

Florença é casa dos Médici e berço desta ebulição cultural. O criativo e genial Leonardo da Vinci finalmente começa a criar nome, tem o seu próprio ateliê e clientes e liberdade para desenvolver a sua arte e as suas invenções. Mas uma acusação anónima de sodomia obriga-o a abandonar os seus planos e a cidade das artes.

Invejas e medos, ignorância e corrupção, sofrimento e perseguição. Quando Leonardo percebe que nada do que parece ser é e que os inimigos podem estar em qualquer lugar, debate-se entre a vontade de triunfar e o desejo de vingança, entre o homem pecador e o génio inventivo, entre o passado e o futuro.

Este é um romance histórico com uma extensa pesquisa por trás, em que as descrições e os grandes nomes da época criam o ambiente perfeito para conhecermos melhor o homem por trás de toda a genialidade.

A minha opinião

Sou fã incondicional de livros históricos, de livros que, ao mesmo tempo que entretêm, também ensinam (e até parece que estou a ver, desse lado, o pensamento a formar-se: tu és fã incondicional de livros e pronto. O que não deixa de ver verdade, mas avancemos nesta linha de raciocínio).

Romances históricos, biografias, histórias reais. Mesmo quando têm alguma ficção à mistura, são livros com os quais podemos aprender ainda mais (ainda que as aulas de história sejam, normalmente, uma seca, a realidade é que só conhecendo o passado podemos compreender melhor o presente e prepararmos-nos para o futuro). E sendo Leonardo da Vinci uma das personagens históricas mais relevantes, uma pessoa muito à frente do seu tempo e com o seu multitask a funcionar em pleno, um livro sobre a sua história teria de valer a pena.

Spoiler Alert... As Sombras de Leonardo da Vinci é o livro que vale a pena ler sobre essa extraordinária figura. Fiquei a conhecer muito bem a história da vida do homem de Vinci, um bastardo nascido duma escrava, criado mais pelo avó e pelo tio do que pelo pai. Traído por quem achava que era o seu melhor amigo. Um homem à frente do seu tempo, que não se ficava pelo "é assim" mas que queria entender o quê e porquê de cada coisa. 

As Sombras de Leonardo da Vinci fala-nos de como Leonardo quis estudar anatomia para melhor pintar as pessoas e de como quis estudar o movimento das ondas para melhor pintar os cabelos das pessoas. E fala-nos das razões pela quais Leonardo nunca se casou nem se conheceu paixão alguma.

As Sombras de Leonardo da Vinci resultam dum trabalho extraordinário de investigação, levantando o véu sobre a personalidade do homem de Vinci, com as suas sombras, os seus medos e dúvidas mas, acima de tudo, a sua ânsia de sossego, de poder viver em paz consigo e com os outros.

Falha talvez um bocadinho na interligação entre os capítulos. Houve momentos em que me perdi e tive de voltar atrás um bocadinho na leitura para me reencontrar. Mas nada de mais, nada que impeça de desfrutar em pleno dum livro fabuloso e que recomendo. 

Leia aqui as primeiras páginas

Classificação: 

(este livro foi-me oferecido pelo Clube do Autor em troca duma opinião honesta e sincera)

Entretanto...

Conheces o meu blog generalista?

Que esperam para me acompanhar no facebook e no instagram?

Deixa-me Odiar-te

por Magda L Pais, em 10.02.18

deixa.jpg

Deixa-me Odiar-te de Anna Premoli

ISBN: 9789897244131

Editado em 02-2018 pelo Clube do Autor

Sinopse

Vencedor do Prémio Bancarella

Jennifer e Ian conhecem-se há sete anos e nos últimos cinco só têm discutido. Chefes de duas equipas no mesmo banco, entre eles sempre houve um confronto aberto e declarado. Detestam-se e dificultam a vida uma ao outro. Até que um dia são obrigados a cooperar na gestão da conta de um cliente aristocrata e abastado.

Na vida e no amor há sempre uma segunda oportunidade?

Um romance moderno, divertido e terno, uma história atual e muito cinematográfica com todos os ingredientes de uma bela comédia romântica.

A minha opinião

Vamos repetir juntos e até à exaustão, a ver se eu meto isto na cabeça duma vez:

Não lerás em público livros que te façam rir

Não lerás em público livros que te façam rir

Não lerás em público livros que te façam rir

Não lerás em público livros  que te façam rir

Não lerás em público livros que te façam rir

Não lerás em público livros que te façam rir

E porquê é que é preciso meter isto na minha cabeça oca? porque quando leio livros que me deixam bem disposta e que me fazem rir, eu rio. Eu sorrio. Eu dou gargalhadas. E fazer isto, sozinha, enquanto leio, num comboio, numa mesa de refeição, numa repartição de finanças ou na conservatória é coisa que me pode levar a ser internada no manicómio.

Tudo isto aconteceu com Deixa-me Odiar-te. Ele foi no comboio, foi nas Finanças, foi na conservatória. Para onde eu ia, o livro ia e as gargalhadas aconteciam. Ou os risos. Ou os sorrisos. E às vezes é só isto que quero num livro. Que me distraia, que me faça esquecer um dia a casa vem abaixo. Deixa-me Odiar-te conseguiu isso tudo e muito mais. Até ia fazendo com que perdesse o autocarro de manhã.

Rapaz conhece rapariga e apaixonam-se perdidamente. Este é o mote normal dos romances. Bem, neste caso não é bem assim. A história começa mais ou menos assim: rapaz conhece rapariga e chocam de tal maneira que ela lhe parte o nariz (momento spoiler, prometo que não haverá mais momentos assim).

Deixa-me Odiar-te é um romance, sem dúvida. Um romance leve, divertido, romântico qd, com diálogos fabulosos, com personagens fortes e bem caracterizadas, sem momentos mortos e com uma personagem feminina que foge, claramente, aos estereótipos das mulheres nos romances. Afinal Jennifer sabe bem que não quer Ian! (ou será que quer e não sabe?)

Se querem passar uns momentos divertidos e rir com um livro, Deixa-me Odiar-te é, seguramente, a escolha acertada.

 

Classificação: 

(este livro foi-me oferecido pelo Clube do Autor em troca duma opinião honesta e sincera)

Entretanto...

Conheces o meu blog generalista?

Que esperam para me acompanhar no facebook e no instagram?

A Herdeira dos Olhos Tristes

por Magda L Pais, em 31.01.18

37940467.jpg

A Herdeira dos Olhos Tristes de Karen Swan

ISBN: 9789897244087

Editado em 2018 pelo Clube do Autor

Sinopse

1974. Elena Damiani é uma herdeira rica e bela, com tudo para ser feliz. Contudo, aos vinte e seis anos já vai no terceiro casamento e uma juventude repleta de cicatrizes. Quando conhece o homem que parece ser o seu par perfeito, percebe que ele é precisamente o único homem que ela não pode ter, e nem todo o dinheiro do mundo é capaz de mudar essa circunstância.

Mais de 40 anos depois, a jovem Francesca vive la dolce vita. Antiga advogada, foi para Roma em busca de uma nova vida. Um acaso fortuito leva-a ao Palazzo Mirandola, onde conhece a famosa Viscondessa Elena dei Damiani. A empatia entre ambas é imediata e Francesca fica fascinada pelo mundo de Elena, pelo seu passada e pelas suas incríveis histórias.

Quando a Viscondessa a incumbe de narrar a sua extraordinária vida, Francesca entra num mundo de privilégios, aparências e excessos. Mas só quando um valioso anel de diamantes é encontrado num túnel antigo da cidade, mesmo por baixo do Palazzo, é que Francesca percebe a rede de mentiras que envolve Elena. A braços com o seu próprio passado tortuoso, Francesca é incapaz de ignorar a verdade, revelando um segredo antigo que pode mudar muitas vidas…

A minha opinião

Compre um romance e ganhe outro grátis. Este podia ser o mote deste livro dado que, além da história de Elena, temos também o romance de Cesca e Nico, mas é a história de Elena que dá o nome ao livro, até porque essa é bastante mais interessante (a de Cesca e Nico acaba por ser mais normal, apesar de ser bonita como todas as histórias de amor).

A Herdeira dos Olhos Tristes mistura o presente com o passado, num romance terno, amoroso e até comovente, que nos mostra - mais uma vez - que ter dinheiro não é sinonimo de ter juízo ou mesmo de ser feliz. A autora consegue - eu admiro imenso esta capacidade que alguns autores tem - alternar os tempos, entre o passado e o presente de Elena, deixando-nos conhecer, sem revelar demasiado, a verdadeira história da Viscondessa, aquela que ela não quer que Cesca descubra.

E nas páginas finais... as trocas, os revezes, as surpresas que não param. Karen Swan consegue surpreender tudo e todos, com aquele final, ao mesmo tempo esperado e inesperado. Não perceberam? bem, eu também não vos posso contar, caso contrário perde o interesse. O melhor mesmo será lerem este livro e avaliarem se eu não tenho razão. Vá, vão lá ler e voltem cá para me dar razão que eu gosto. 

(leia aqui as primeiras páginas)

Classificação: 

(este livro foi-me oferecido pelo Clube do Autor em troca duma opinião honesta e sincera)

Entretanto...

Conheces o meu blog generalista?

Que esperam para me acompanhar no facebook e no instagram?

Antes que Seja Tarde

por Magda L Pais, em 10.12.17

36612267.jpg

Antes que Seja Tarde de Margarida Rebelo Pinto 

ISBN: 9789897244001

Editado em 2017 pelo Clube do Autor

Sinopse

Neste novo livro de Margarida Rebelo Pinto encontramos três mulheres de gerações diferentes, desde os anos 60 até aos dias de hoje, com vidas sentimentais atribuladas e algo em comum: a atração pelo proibido.

Antes que seja tarde é um romance sobre o lado mais selvagem do amor, quando a paixão manda mais do que a razão e os sentidos falam mais alto. Os amores proibidos nunca caem na rotina, mas serão o caminho certo para o verdadeiro amor? O que fazer quando não se pode construir uma vida com quem se ama?

O destino cruzado destas 3 mulheres leva-nos a uma viagem alucinante sobre o lado obscuro das relações, onde a mentira, a traição e o adultério andam a par com a dignidade de uma grande história de amor.

A minha opinião

Li, em toda a minha vida, apenas um livro de Margarida Rebelo Pinto e, confesso, cuidava que não iria ler mais nenhum. Mas apareceu-me este e, Antes que Seja Tarde, decidi lê-lo de mente aberta e sem pré julgamentos, o que, creio, ajudou a que a experiência não fosse tão má como julgaria ao inicio.

Começo pela capa. Esta capa é extremamente feliz e bem conseguida. Pede que se pegue no livro e que se leia. São poucas as capas que me conquistam assim e que me agradam tanto.

Antes que Seja Tarde fala-nos de amores e desamores. De casamentos e traições. De conquistas. De relações cruzadas e das relações que não duram

O mundo entrou no fast-food emocional e não estou a ver quando e como o registo vai mudar. Vivemos numa sociedade líquida, com relações fugazes e inconsequentes, para andar aos encontrões, mais vale estar quieta

Mas fala-nos também de como o amor pode estar ali, à espreita, desde que o queiramos encontrar. Da coragem que é preciso para virar a página, de como devemos lutar pelo que queremos e não ficar à espera que nos caia no prato. E de como cada história tem dois lados.

Antes que Seja Tarde surpreendeu-me pela positiva. Quem sabe não vos surpreenderá também.

leia aqui as primeiras páginas

Classificação:

(este livro foi-me oferecido pelo Clube do Autor em troca duma opinião honesta e sincera)

Entretanto...

Já votaram nos Sapos do Ano 2017

Que esperam para me acompanhar no facebook e no instagram?

As Incríveis Aventuras da Super-Miúda

por Magda L Pais, em 10.12.17

36595584.jpg

As Incríveis Aventuras da Super-Miúda de João Miguel Tavares

ISBN: 9789897244032

Editado em 2017 pelo Clube do Autor

Sinopse

Rita é a personagem principal deste livro e o facto de ter o nome da filha mais nova de João Miguel Tavares não é pura coincidência. Foi ela que inspirou o pai a escrever esta história deliciosa, cheia de aventuras divertidas e muita imaginação.

As Incríveis Aventuras da Super-Miúda nasceram à mesa da cozinha, em forma de canção, sempre que a Rita dava mais trabalho a comer a papa. É por isso que o pai está tão zangado com ela no início da história. A certa altura, o livro, tal como a Rita, ganhou asas. E transformou-se nisto: uma aventura sobre a necessidade de termos regras e aceitarmos os nossos limites.

Inclui CD grátis cantado por Samuel Úria.

A minha opinião

Diz que este livro é para crianças. Dos 6 aos 10 anos. Desconfio que poderá, antes, ser dos 6 aos 60. São 48 páginas divertidas, bem dispostas, com ilustrações extraordinárias que entretêm. Claro que uma criança lerá mais devagar e, por isso, usufruirá mais deste livro. Mas querem um conselho de quem o leu num trago? leiam-no vocês às vossas crianças. Devagarinho, saboreando a leitura e as ilustrações, enquanto ouvem o CD (que eu não ouvi ainda mas irei ouvir com a minha sobrinha mais nova, enquanto lermos, as duas, este livro, na noite de Natal).

Acreditem, qualquer criança irá adorar receber este livro de prenda e que vocês se sentem com eles a ler, entre duas filhoses e um chá. Aproveitem esta sugestão que não se vão arrepender.

 

Classificação:

(este livro foi-me oferecido pelo Clube do Autor em troca duma opinião honesta e sincera)

Entretanto...

Já votaram nos Sapos do Ano 2017

Que esperam para me acompanhar no facebook e no instagram?



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog

calendário

Fevereiro 2021

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28