Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A escolha de um escritor/autor

por Magda L Pais, em 30.09.15

Este é um problema recorrente aos booklovers ou livrólicos anónimos (adorei este termo que encontrei, no outro dia, num outro blog).

Imaginem que, de momento, já lemos os livros todos que tínhamos em casa, queremos (ou podemos) comprar um novo livro e vamos até à livraria (seja ela on line ou num espaço físico). Com tanta oferta disponível, que livro escolhemos e de que escritor?

Será que preferimos não sair da nossa zona conforto e vamos comprar daquele autor que, à partida, sabemos que vamos gostar porque já o lemos? Ou será que arriscamos e compramos daquele escritor de que já ouvimos falar mas do qual nunca lemos nada? Ou seguimos o conselho de outros bloggers?

Confesso que, para mim, qualquer uma das opções é válida.

Há escritores que são passageiros frequentes da minha lista de compras – Ken Follett, Juliet Marillier, Marion Zimmer BradleyAnne Bishop ou John Grisham (entre outros) – tenho vários livros de cada um deles e sei que não me desiludem. Bom, ok, um dos livros que me desiludiu foi precisamente de Ken Follett mas, em contrapartida, é também dele um dos meus livros favoritos de sempre.

Mas também compro de escritores que nunca li. E com isso já descobri algumas pérolas. É o caso de Stieg Larsson, Jodi Picoult, James Patterson, ou Gary Jennings (deste último tenho muita pena que não haja mais nada editado em português, para além de Orgulho Asteca e Sangue Asteca.). Eram autores que eu desconhecia e que, caso não tivesse arriscado comprar os livros, nunca os teria lido.

Creio – mas é a minha opinião, claro e que resulta desta experiência – que, às vezes, devemos sair da nossa zona de conforto (leia-se autores que já conhecemos) e arriscar em escritores que desconhecemos. Podemos ter uma desilusão, é verdade. Mas também podemos ter uma grande alegria. E, pensando bem, este arriscar em sair da zona de conforto, não é só verdade neste caso mas em toda a nossa vida. Viver sempre na zona de conforto não é viver, é sobreviver.

E viver é tão melhor que sobreviver!

E vocês? Qual é o vosso critério de compra dos livros?


36 comentários

De Sara a 30.09.2015

Sinopse e preço, às vezes alguma critica que tenha achado interessante...Livros com temas que não me dizem nada coloco de parte e privilegio autores que já conheço. Cada vez mais acho que não sou eu a escolher os livros mas eles que me escolhem a mim...

De Magda L Pais a 30.09.2015

o preço tambem é um factor importante, de facto. Escritores conhecidos sim, mas tambem arrisco nos novos.
Gosto dessa ideia, de serem os livros que nos escolhem e não nós que os escolhemos a eles

De Sara a 30.09.2015

Eu gostava que tivesse menos influência, mas...É difícil arriscar vinte euros num autor que não conheço de lado nenhum. Já arrisquei em livros baratinhos, alguns nem tinham sinopse...Isso de eles me escolheram, é tipo: não tenho uma lista do que vou comprar: às vezes vou dar uma volta, vejo uma banca e vou espreitar...É assim xD

De Magda L Pais a 30.09.2015

claro que tem influência. E muita. é como dizes, 15/20 euros ainda é dinheiro e ele custa a ganhar. Uma coisa é arriscar com um livro emprestado, um livro barato ou um do qual temos boas informações. Outra é saltar para o desconhecido sem rede

De Sara a 30.09.2015

Emprestado leio tudo xD Com os mais baratos leio pelo menos a sinopse, mas a margem é maior...Acho que é por causa das compras impulsivas que se acaba com muitos livros na estante que não nos dizem nada.

De Magda L Pais a 30.09.2015

tenho lá alguns que me sinto completamente enganada na compra, sim. Livros dos quais li criticas fabulosas, que ai e tal é muito bom... e eu não consegui ler. Fico piurça quando isso acontece

De Sara a 30.09.2015

Eu gosto de ler críticas, mas confiar ao ponto de ir comprar em muito poucas...Quando a editora envia o mesmo livro a cinco pessoas e as cinco acham fabuloso, é de desconfiar...

De Magda L Pais a 30.09.2015

nestes casos vi as criticas no goodreads e a grande maioria falava excepcionalmente... e eu detestei

De Sara a 30.09.2015

Não me fio no goodreads...Prefiro a zona de comentários da Amazon 

De Magda L Pais a 30.09.2015

tirando dois ou três casos, nos outros as criticas eram coincidentes com o que achei dos livros

De Sara a 30.09.2015

Desde que vi que o Crepúsculo tinha lá de média quatro estrelas inteiras xD Na amazon faço assim: vejo o que diz quem deu 5 estrelas e depois as que deram 2...Já li lá textos muito interessantes.

De Magda L Pais a 30.09.2015

eu não ligo à média. Leio as criticas mais positivas, as mais negativas e as assim assim e depois tiro a minha conclusão

Comentar post




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog

calendário

Setembro 2015

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930