Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Justiça de Kushiel

por Magda L Pais, em 15.05.18

17971916.jpg

Justiça de Kushiel de Jacqueline Carey

Kushiel #6

ISBN: 9789896375263

Editado em 2013 pela Saída de Emergência

Sinopse

Kushiel barra o caminho de Phèdre, severo e ameaçador. Numa mão, segura uma chave de bronze, e na outra… um diamante, enfiado num cordão de veludo. Phèdre nó Delaunay, a eleita dos deuses para suportar um indizível sofrimento com infinita compaixão é a vítima perfeita, a oferenda sem igual cuja profanação assegurará a ascendência de Angra Mainyu, O Senhor das Trevas. A morrer, pensa Phèdre, será às mãos do amor.

Mas o amor é uma força assombrosa, e amor há que desafia todas as probabilidades… E o Amor reina em força neste volume pungente, a encerrar a saga de Kushiel. O amor de Joscelin por Phèdre, seu Companheiro Perfeito que tudo dá por ela. O amor de Phèdre pela sua rainha, que quer Imriel de la Courcel de volta, o amor de Phèdre por Hyacinthe, seu único e verdadeiro amigo, por toda a eternidade condenado ao cativeiro como Senhor do Estreito.

O amor de Phèdre por Imriel, apenas amor simples e destituído de adornos. O Lungo Drom de Phèdre e Joscelin continua, por um lendário rio abaixo até uma terra esquecida de todo o mundo. E até um poder tão imenso que ninguém ousa proferir o seu nome. Ousará Phèdre? Ousará Phèdre receber o Nome de Deus e com ele obrigar a que libertem Hyacinthe? "Para receber o Seu Nome", instruiu o místico yeshuíta Eleazar ben Enokh, "d’Ele nos deveremos acercar em perfeita confiança e amor, do nosso ser fazer um recetáculo onde o nosso ser não esteja." Logrará Phèdre fazê-lo?

A minha opinião

Definitivamente a saga Kushiel é uma das melhoras sagas que já tive o prazer de ler, ficando apenas atrás dos livros de Anne Bishop, especialmente, claro, das Jóias Negras. Aliás... Dark Fantasy é um conceito definido por estas duas sagas. Todas as outras - Guerra dos Tronos incluída - são meras aprendizes face à mestria com que Anne Bishop e Jacqueline Carey escrevem. Diferentes no estilo de escrita - Anne Bishop com uma escrita mais actual, Jacqueline Carey com uma escrita mais renascentista - mas iguais na fluidez, na qualidade, no envolvimento que criam com o leitor, na construção de personagens coerentes e fortes, arrebatando os leitores duma forma como poucos o conseguem fazer.

Justiça de Kushiel é o último volume desta primeira saga. Bem, primeira e única editada em português (INFELIZMENTE!) e, por isso, foi lido com um amargo de boca. Porque realmente queria chegar ao fim, queria saber como acabavam as aventuras de Phèdre e se realmente conseguia libertar Hyacinthe do seu degredo. E tudo terminaria bem, como convêm, não fosse dar-se o caso de que, depois deste, nada mais há desta autora.

Para perceberem bem o quanto gostei desta saga, estaria disposta a ler os outros livros (a história de Imriel) em inglês. E em ebook se fosse caso disso. Só não o faço porque tenho medo que, o que torna a escrita de Jacqueline Carey tão perfeita, seja para mim, um senão na leitura em inglês.

Não me canso de o repetir. Fãs de fantasia, leiam esta saga. Fãs da Guerra dos Tronos, leiam esta saga. Fãs das 50 Sombras, leiam esta saga (e aprendam o que é um bom livro). Fãs de Anne Bishop, leiam também.

E depois juntem-se a mim num abaixo assinado para que sejam editados mais livros desta autora em Portugal. E para que ela venha ao festival Bang de 2019! 

Enquanto isso... deliciem-se com as primeiras páginas desta volume.

Classificação: 

Entretanto...

Conheces o meu blog generalista?

Que esperam para me acompanhar no facebook e no instagram?

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 comentário

De Boas Leituras a 17.05.2018 às 09:26

Onde é que assino?!
Esta é, sem dúvida, uma das melhores sagas de sempre.

Comentar post




Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.