Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Lythande

por Magda L Pais, em 21.07.19

lyrande.jpg

Lythande – As Mágicas Aventuras do Adepto da Estrela Azul de Marion Zimmer Bradley

ISBN – 9788531200519

Lançado em 1989 por Imago

Sinopse

Lythande, herói fictício, compromete-se, em nome de sua espada e de seus poderes mágicos, a lutar eternamente contra as forças do mal. | Adepto Peregrino da Ordem da Estrela Azul, Lythande dominara todas as magias deste mundo. Mas os poderes mágicos de um adepto eram sempre vinculados a um segredo que só a ele pertencia, e quem o descobrisse podia se apropriar da força da Estrela Azul, deixando indefeso o adepto, ao qual só restava morrer. E o segredo de Lythande era, talvez, o mais arriscado de todos, excluindo-o do resto da humanidade, forçando-o a lutar contra seres mágicos bestiais, bruxas, ladrões, espadachins e a própria magia dos deuses...

A minha opinião

Quarto livro a contar para o bookbingo 2019, correspondente a

6. Um livro de um autor que gostavas de conhecer

Quem conhece este blog e não caiu aqui de para-quedas, sabe da minha paixão pelas Brumas de Avalon.  E mesmo sabendo que, eventualmente, a autora não era a pessoa mais sã do mundo (considerando as acusações póstumas que lhe foram feitas) a realidade é que separo muito bem, na minha cabeça, a pessoa da sua arte. E sem dúvida que Marion Zimmer Bradley tinha um toque especial para a escrita.

Lythande é um conjunto de vários contos que encontrei, por acaso, quando procurava por alguns ebooks. Nem toda a gente acha grande piada a contos, mas eu não me importo de os ler, até porque permite que se vá intercalando com outros livros. A única coisa que gostei menos - mas que percebo a intenção - é a repetição, em cada um dos contos, das regras que Lythande está obrigado por ser um adepto da estrela azul. Percebo porque, inicialmente, estes contos foram publicados em separado (ao longo de quase 20 anos) e porque podem ser lidos por uma qualquer ordem.

A escrita é, sem dúvida, maravilhosa. Lythande é mais juvenil que todos os outros livros que li desta escritora mas não perde qualidades por isso. Valeu a pena por ter regressado à escrita de Marion Zimmer Bradley (e deixou-me com vontade de repetir a leitura das Brumas...)

Classificação: 

May we meet again

Entretanto...

Conheces o meu blog generalista?

Que esperam para me acompanhar no facebook e no instagram?

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog

calendário

Julho 2019

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031