Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



A Viúva

por Magda L Pais, em 25.05.20

A viuva.jpg

A Viúva de Fiona Barton 

Kate Waters #1

Tradução de Victor Antunes

ISBN: 9789896577568

Editado em 2016 pela Editorial Planeta

Sinopse

A MULHER

A existência de Jean Taylor era de uma banalidade abençoada. Uma boa casa, um bom marido. Glen era tudo o que sempre desejara na vida: o seu Príncipe Encantado. Até que tudo mudou.

O MARIDO

Os jornais inventaram um novo nome para Glen: monstro, era o que gritavam e lhe chamavam. Jean estava casada com um homem acusado de algo impossível de imaginar. E à medida que os anos foram passando sem qualquer sinal da menina que alegadamente raptara, a vida de ambos foi sendo escrutinada nas primeiras páginas dos jornais.

A VIÚVA

Agora, Glen está morto e pela primeira vez Jean está só, livre para contar a sua versão da história.

Jean Taylor prepara-se para nos contar o que sabe.

A minha opinião

Algures entre 2016 e 2017 este livro fez furor. Foi lido e relido por imensa gente, comentado aqui e ali e, mais uma vez, sendo um livro tão escrutinado, optei por me afastar dele até que a poeira baixasse e fosse possível ler sem uma ideia pré concebida.

Neste período de confinamento, em que as leituras não tem fluido por ai além (culpa em parte de não andar os habituais 90 minutos diários de transportes públicos nem almoçar sozinha todos os dias), optei por ler os livros físicos que estão pela estante da vergonha à espera de vez.

(infelizmente também a actualização deste blog tem sofrido as consequências do confinamento... acabo de ler e esqueço-me de vir cá escrever a opinião. Agora de castigo escrevo de seguida dos 4 livros lidos entretanto, antes que termine o 5º livro)

Foi portanto a vez d'A Viúva, um thriller psicológico, narrado - a várias vozes - entre o passado e o presente, deixando entrever, para cada uma das personagens, que há ali qualquer coisa que não é bem claro. De inicio os acontecimentos e as personagens parecem não ter qualquer ligação entre si, mas vamos percebendo, ao longo da história, que afinal estão interligadas.

Fruto talvez de já ter lido vários livros do mesmo género, comecei a desconfiar do final mais ou menos a meio do livro. Mas - e ponto bastante positivo para o livro - o final acabou por me surpreender porque, se por um lado, o esperava, por outro não era bem assim que o esperava (e não posso explicar mais para não ser spoiler).

Não direi que é um excepcional livro mas é, seguramente, um livro a ler.

leia aqui as primeiras páginas

Classificação:

May we meet again

 Que esperam para me acompanhar no facebook e no instagram?

Conheces o meu blog generalista?

Neste momento que vivemos, precisamos de manter a calma e a prudência, de lavar e desinfectar as mãos, evitar contactos sociais, reduzindo as saídas de casa ao imprescindível e não ir a correr para os hospitais por uma unha encravada, ao primeiro sinal de febre (superior a 37,5) ou tosse. São tempos difíceis mas só unidos e tendo em atenção as recomendações oficiais, podemos sair disto.

Autoria e outros dados (tags, etc)



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog

calendário

Junho 2020

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930


Posts recentes


subscrever feeds