Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Entre Irmãs

por Magda L Pais, em 23.04.20

25748207._SY475_.jpg

Entre Irmãs de Kristin Hannah 

ISBN: 9789722530255

Editado em 2015 pela Bertrand Editora

Sinopse

Há anos, Meghann Dontess fez uma escolha terrível que lhe custou tudo, incluindo o amor da irmã, Claire. Agora Meghann é uma advogada de sucesso que não acredita no amor… até encontrar o único homem que a pode fazer mudar de ideias. Claire Cavenaugh apaixonou-se pela primeira vez na vida. À medida que a data do casamento se aproxima, ela prepara-se para enfrentar a obstinada irmã. Reencontram-se depois de mais de duas décadas afastadas e estas duas mulheres que parecem não ter nada em comum vão tentar finalmente ser uma família. Um livro terno e comovente, que explora as alegrias e tristezas partilhadas pelas irmãs, os erros cometidos em nome do amor e a promessa de salvação.

A minha opinião

Estou a aproveitar o estar em casa para tentar limpar a estante da vergonha, começando pelos livros maiores já que não tenho de andar com eles na mala.

Entre Irmãs - tal como outros livros desta autora - leva-nos a reflectir sobre segundas oportunidades, sobre reencontros e mal entendidos que se resolvem da melhor forma possível: falando!

Entre Irmãs mostra-nos como o dinheiro e o sucesso, por si só, não trazem a felicidade e que o nosso mundo é sempre melhor quando temos com quem o partilhar.

A escrita, como sempre, é irrepreensível, os diálogos bastante simples (tornando-os credíveis) e as personagens muito fortes. Confesso que, apesar de ser aquele bloco de pedra que todos sabem, a parte final do livro tem um sabor agridoce e deixou-me quase com a lágrima. Quase é, aqui, a palavra chave!

Entre Irmãs, apesar das suas 440 páginas lê-se num instante. E vale certamente a leitura.

 

 

Leia aqui as primeiras páginas

Classificação: 

May we meet again

Let’s make blogs great again!

 Que esperam para me acompanhar no facebook e no instagram?

Conheces o meu blog generalista?

Neste momento que vivemos, precisamos de manter a calma e a prudência, de lavar e desinfectar as mãos, evitar contactos sociais, reduzindo as saídas de casa ao imprescindível e não ir a correr para os hospitais por uma unha encravada, ao primeiro sinal de febre (superior a 37,5) ou tosse. São tempos difíceis mas só unidos e tendo em atenção as recomendações oficiais, podemos sair disto.

Autoria e outros dados (tags, etc)



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog

calendário

Setembro 2020

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930


Posts recentes


subscrever feeds