Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Leitura alheia: Não Me Deixes

por Magda L Pais, em 10.12.18

25676398.jpg

Não Me Deixes de Gilly Macmillan

ISBN: 9789898752727

Editado em 2015 pela Jacarandá Editora

Sinopse

Viras-te por um segundo…E o teu filho desapareceu.

Rachel Jenner distraiu-se por breves momentos. E agora Ben, o seu filho de oito anos, desapareceu.

Mas o que aconteceu realmente naquela fatídica tarde?

Dividida entre a sua tragédia pessoal e uma opinião pública que se virou contra ela, Rachel não sabe em quem confiar. Será que as outras pessoas, por seu turno, podem confiar nela?

O tempo urge para que Ben seja encontrado com vida.

E TU, DE QUE LADO ESTÁS?

A opinião da Sofia

Olá, eu sou a Sofia!

Sou fã de policiais, suspense e thrillers e estou a transformar-se numa mini Magda, digo mini porque estamos a estantes de distância, temos a mesma paixão pelos livros, com a diferença que eu, não tenho jeito para reviews, mas a Magda insistiu!

Este livro é uma mistura dos meus três géneros favoritos, a autora agarra o leitor desde a primeira página!

A história sensibiliza e aterroriza qualquer pessoa, principalmente quem tem filhos, qual o maior medo de um pai? Que algo de mal de aconteça e nunca mais o volte a ver, principalmente quando lhe deu uns segundos de liberdade para aprender a ser confiar em si mesmo!

O primeiro romance de Gilly MacMillan Não Me Deixes, conta a história do rapto de Benedict Finch de 8 anos, num segundo estava alegremente no bosque a correr á frente da sua mãe Rachel, com o seu amigo de quatro patas e no segundo seguinte desaparecera sem deixar rasto, acaba-se por descobrir unicamente, a roupa que estava a usar.

A polícia corre contra o tempo, para encontrar Ben com vida, as estatísticas não são favoráveis, durante 8 dias a história é contada pelas duas personagens principais, Rachel Jenner a mãe destroçada, que está ainda a recuperar de um divórcio recente e que agora tem reunir forças para encontrar o seu filho, tendo também que lidar ao mesmo tempo com o seu julgamento, em praça pública e Jim Clemo, o inspector responsável pela investigação e procura de Ben.

Á medida que a investigação avança, um terrível segredo de família, abala ainda mais o mundo de Rachel, sentindo-se só e desamparada, ao não puder confiar em ninguém, a vida de Jim também afectada com uma traição, tanto pessoal como profissional, prejudicando as buscas, este caso vai afectá-lo psicologicamente e o leitor acompanha as suas sessões de terapia.

O enredo vai apresentando vários possíveis suspeitos, mas só com o final aproximar-se é que é desvendado ao leitor quem é o raptor, revelando-se uma pessoa totalmente desequilibrada.

No livro também há entradas de dicas de websites de agências que tratam de casos de crianças desaparecidas.

Não, vos vou contar se o livro tem um final feliz ou não, para isso vão ter que ler o livro, mas digo-vos que adorei construir este enredo e personagens na minha cabeça e juntar cada peça do puzzle e sem dúvida vou estar atenta ao próximo lançamento desta autora.

Leia aqui as primeiras páginas

Classificação: 

May we meet again

Conheces o meu blog generalista?

Que esperam para me acompanhar no facebook e no instagram?

(às 9h30 de segunda feira, leituras alheias traz-vos opiniões sobre livros de outros bloggers ou amigos)

Autoria e outros dados (tags, etc)

A Cidade das Almas Perdidas

por Magda L Pais, em 07.12.18

15852386.jpg

A Cidade das Almas Perdidas de Cassandra Clare

Caçadores de Sombras #5

Editado em 2012 pela Editorial Planeta

ISBN: 9789896573218

Lido em 2015

Sinopse

O demónio Lilith foi destruído e Jace liberto do cativeiro. Quando os Caçadores de Sombras chegam, porém, nada encontram além de sangue e vidros partidos. O rapaz que Clary ama desapareceu, bem como o que odeia: o irmão, Sebastian, determinado a vencer os Caçadores de Sombras.

A magia de Clave não consegue localizar o paradeiro de nenhum dos jovens, mas Jace não pode ficar afastada de Clary. Quando se reencontram, Clary descobre o horror causado pela magia de Lilith - Mal. A Clave está determinada a destruir Sebastian, mas é impossível atingir um dos rapazes sem destruir o outro.

A minha opinião

Quinto livro da colecção Caçadores de Sombras e o entusiasmo não se desvanece.

Finalmente Clary pode respirar fundo. Jace voltou ao normal e Lilith foi destruída por Simon. Jace pede-lhe apenas cinco minutos sozinho antes de descer para ir ter com ela e todos os seus amigos. Só que, quando os Caçadores de Sombras chegam, Sebastian e Jace desapareceram.

As buscas por Jace não abrandam mas Jace parece ter-se evaporado. Clary e Alec sentem que ele ainda está vivo mas que algo não está bem. Clary sente-se ligada a Jace pelo amor que tem por ele e Alec pelas runas. Até que Jace aparece e se percebe que ele e Sebastian estão unidos de tal modo que, o que acontece a um, acontece ao outro. As coisas boas e as coisas más. A morte e as feridas atingem ambos. Clary tem de engendrar um plano que os separe porque não aceita perde-lo.

De reviravolta em reviravolta, este quinto volume mostra-nos um Sebastian diferente, com laivos de Valentine mas também de Lilith, o que o torna bastante mais temível do que se poderia pensar.

Acreditem, vale a pena ler esta colecção. Vou agora, rapidinho, pegar no sexto e último da colecção Caçadores de Sombras para que, de uma vez por todas, se perceba a história.

Classificação 

leia aqui as primeiras páginas

May we meet again

Conheces o meu blog generalista?

Que esperam para me acompanhar no facebook e no instagram?

Autoria e outros dados (tags, etc)

Leitura alheia: A Amiga Genial

por Magda L Pais, em 03.12.18

24445388.jpg

A Amiga Genial de Elena Ferrante

Amiga Genial #1

ISBN: 9789896414795

Editado em 2014 pela Relógio D'Água

Sinopse

A Amiga Genial é a história de um encontro entre duas crianças de um bairro popular nos arredores de Nápoles e da sua amizade adolescente.

Elena conhece a sua amiga na primeira classe. Provêm ambas de famílias remediadas. O pai de Elena trabalha como porteiro na câmara municipal, o de Lila Cerullo é sapateiro.

Lila é bravia, sagaz, corajosa nas palavras e nas acções. Tem resposta pronta para tudo e age com uma determinação que a pacata e estudiosa Elena inveja.

Quando a desajeitada Lila se transforma numa adolescente que fascina os rapazes do bairro, Elena continua a procurar nela a sua inspiração.

O percurso de ambas separa-se quando, ao contrário de Lila, Elena continua os estudos liceais e Lila tem de lutar por si e pela sua família no bairro onde vive. Mas a sua amizade prossegue.

A Amiga Genial tem o andamento de uma grande narrativa popular, densa, veloz e desconcertante, ligeira e profunda, mostrando os conflitos familiares e amorosos numa sucessão de episódios que os leitores desejariam que nunca acabasse.

A opinião da Charneca em Flor

Foi com grande tristeza e ansiedade que terminei este livro e o fechei encerrando as suas personagens lá dentro sem saber o que lhes ia acontecer. Este livro entrou, sem sombra de dúvida, para os livros da minha vida. Elena Ferrante transportou-me para as ruas do bairro de Lila e Elena, mais conhecida por Lenú. Fez-me sentir na pele de Lenú com quem partilho muitos dos sentimentos que povoaram a minha infância e adolescência. Elena Ferrante merece todo o prestígio e fama que tem. Entendo um pouco da sua relutância em aparecer. Os livros falam por si, não são precisos mais artifícios.

A Amiga Genial foi o primeiro de uma série de 4 livros da autora italiana. E como tudo começa na infância, é também por aí que começa esta tetralogia. Nas primeiras páginas, uma Lenú já idosa é informada de que a sua amiga Lila desaparecera de casa sem deixar rasto. Para contrariar essa vontade de desaparecer, e de ser esquecida, da amiga, Lenú recua 60 anos para nos descrever como se conheceram num bairro pobre dos arredores de Nápoles, como se tornaram amigas inseparáveis e como cresceram. À volta delas, desenrolam-se acontecimentos típicos da Nápoles dos anos 40/50 do século XX. A primeira parte do livro apresenta-nos o nascer da amizade entre as 2 crianças e a sua interacção com a escola. Lila é, naturalmente, brilhante, é atrevida, corajosa mas fisicamente desajeitada. Lenú tem que se esforçar mais para obter os mesmos resultados escolares, é tímida mas bonita. São como as 2 faces da mesma moeda. Completam-se. Com a adolescência, as suas vidas tomam caminhos diferentes e elas parecem afastar-se, psicologicamente sobretudo. No entanto, Lenú e Lila nunca se afastam completamente. Aquilo que parece separá-las, une-as irremediavelmente.

Uma excelente história, muito bem escrita por uma autora muito talentosa. Recomendo.

Leia aqui as primeiras páginas

Classificação: 

May we meet again

Conheces o meu blog generalista?

Que esperam para me acompanhar no facebook e no instagram?

(às 9h30 de segunda feira, leituras alheias traz-vos opiniões sobre livros de outros bloggers ou amigos)

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

A Cidade dos Anjos Caídos

por Magda L Pais, em 30.11.18

 13457122.jpg

A Cidade dos Anjos Caídos de Cassandra Clare

Caçadores de Sombras #4

Editado em 2013 pela Editorial Planeta

ISBN: 9789896572464

Lido em 2015

Sinopse

A Guerra Mortal acabou e Clary Fray está de regresso a casa, em Nova Iorque, entusiasmada com o que o futuro lhe reserva. Está em treino para se tornar uma Caçadora de Sombras e saber usar o seu poder único e a mãe casar-se com o amor da sua vida.
Os Habitantes-do-Mundo-à-Parte e os Caçadores de Sombras estão, finalmente, em paz. E, acima de tudo, Clary já pode chamar «namorado» a Jace.
Mas tudo tem um preço.
Anda alguém a assassinar os Caçadores de Sombras que pertenciam ao círculo de Valentine, provocando tensões entre os Habitantes-do-Mundo-à-Parte e os Caçadores de Sombras, o que pode levar a uma segunda guerra sangrenta. O melhor amigo de Clary, Simon, não pode ajudá-la. Descubra o porquê.

 

A minha opinião

Quando a guerra iniciada por Valentine acaba e Clary regressa a casa mas não à normalidade. Depois de tudo o que vivenciou, Clary não é uma adolescente normal e começa o seu treino como caçadora de sombras, achando que tudo está bem com ela, Jace, a pessoa que mais ama, e com os amigos Alec, Simon, Maia e Isabelle. Com Jocelyn finalmente livre da maldição e Luke a preparar o casamento de ambos, Clary não podia estar mais feliz.

Mas (e nestas coisas há sempre um mas), começam a morrer caçadores de sombras e ninguém sabem que os mata. Para ajudar um bebé é deixado no hospital para morrer e Jace tem pesadelos demoníacos. Simon, que tentou falar com a mãe sobre a sua nova condição de vampiro, é obrigado a sair de casa enquanto namora com Isabelle e Maia ao mesmo tempo.

E, se de repente, for o demónio mais antigo de sempre, tão velho quanto a marca de Caim, que está a provocar tudo isto?

Hoje aconteceu-me uma situação curiosa com este livro. Estava no banco à espera de ser atendida e estava a ler. Quando me chamaram tinha acabado de ler que Isabelle dizia a Simon: Temos de falar. Caramba! não se pode interromper um livro quando uma mulher diz para o seu namorado que tem de falar! Resultado, fui lendo enquanto esperava que o sinal, na passadeira, passasse para verde. Sim, tenho problemas, eu sei. E esta colecção não está a ajudar nada...

Leia aqui as primeiras páginas

Classificação  

May we meet again

Conheces o meu blog generalista?

Que esperam para me acompanhar no facebook e no instagram?

Autoria e outros dados (tags, etc)

Um Bom Partido

por Magda L Pais, em 29.11.18

41947104.jpg

Um Bom Partido de Curtis Sittenfeld

ISBN: 9789897103230

Editado em 2018 pelas Edições Chá das Cinco

Sinopse

A versão moderna de Orgulho e Preconceito, o clássico de Jane Austen

A família Bennet está em dificuldades. Para além dos problemas económicos, a frágil saúde do Sr. Bennet obriga as filhas mais velhas, Jane e Liz, a regressarem a casa. Esta é a oportunidade perfeita para a Sra. Bennet pôr em prática os seus planos de casamenteira. Isto porque o solteiro mais cobiçado dos últimos tempos voltou para Cincinnati.

Chip Bingley é o sonho de qualquer sogra: atraente, com uma carreira de sucesso e a estrela do reality show Bons Partidos e o candidato perfeito a marido de uma das filhas da Sra. Bennet.

Quando Liz e Chip se conhecem no churrasco do 4 de Julho, a atração é imediata. Mas a relação é perturbada por Fitzwilliam Darcy, amigo de Chip, que desde o primeiro momento mostra a sua relutância para com Liz. No entanto, as primeiras impressões podem ser enganadoras…

A minha opinião

Antes de ler Um Bom Partido decidi ler Orgulho e Preconceito já que tudo indicava que o primeiro seria a versão actual do segundo. Ora para poder confirmar ou desmentir esta ideia teria, primeiro, que ler a versão original. Que, como podem ir ler, não me seduziu por ai além. Fiquei, por isso, com algum receio de iniciar a leitura deste livro.

Não me podia ter enganado mais.

Não sou a maior fã de romances. Sou - muito provavelmente - a pessoa menos romântica à face da terra, quiça do próprio universo. Mas Um Bom Partido, ainda que seja um romance, conquistou-me porque me fez rir fazendo-me lembrar os livros de Jill Mansell aos quais recorro sempre que quero passar um bom bocado, com um livro leve, que se lê num instante e que não nos obriga a pensar.

A adaptação está tão mas tão perfeita que acaba por superar o que poderíamos imaginar duma actualização  dum romance com cerca de dois séculos de existência. Um Bom Partido tem reality shows, tem emails e internet, tem encontros e desencontros e tem, acima de tudo, uma dose de humor perfeita que nos faz passar vergonhas nos transportes públicos (principalmente se forem como eu e se forem a rir para os livros) e que nos deixa - quando não estamos a ler - a contar os minutos para voltarmos a pegar nele e ler mais um pouco.

De uma forma a roçar a perfeição, Um Bom Partido explora as intrincadas relações familiares e de amizade, segredos, relações profissionais, o desemprego, a busca pelos 15 minutos de fama num programa de televisão. Tudo, mas mesmo tudo, condensado em 368 páginas que se lêem muito bem.

Para os fãs de Orgulho e Preconceito, nada temam. Podem ler este livro. Vão reencontrar todas as personagens - até Mr Collins e Charlotte - e não se vão sentir defraudados. 

Quanto a mim, vou esperar que editem também cá a versão actualizada de Jane Eyre...

(leia aqui as primeiras páginas)

Classificação 

(este livro foi-me oferecido pela Saída de Emergência em troca duma opinião honesta e sincera)

May we meet again

Conheces o meu blog generalista?

Que esperam para me acompanhar no facebook e no instagram?

(Já votaram nos Sapos do Ano?)

Autoria e outros dados (tags, etc)



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog

calendário

Dezembro 2018

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031