Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



A Hipótese do Mal

por Magda L Pais, em 29.12.19

hipotese do mal.jpg

A Hipótese do Mal de Donato Carrisi

Mila Vasquez #2

Tradução de Carlos Aboim de Brito

ISBN: 978-972-0-04663-5

Editado em 2014 pela Porto Editora

Sinopse

Procuro-os por todo o lado. Procuro-os sempre.

Todos nós já sentimos, em algum momento, o desejo de desaparecer. De deixar tudo para trás. Para alguns, isso transforma-se numa obsessão que os consome e engole, até que acabam por desaparecer na escuridão. Todos se esquecem deles. Todos, menos Mila Vasquez, investigadora do Gabinete das Pessoas Desaparecidas.

Sem que ninguém o conseguisse prever, indivíduos que se esfumaram no vazio há vários anos regressam com intenções obscuras. Uma série de crimes, sem relação aparente entre si, traz consigo uma descoberta surpreendente: os seus autores são pessoas que se pensava desaparecidas para sempre. Onde estiveram durante tanto tempo? E porque regressaram? Qual o plano maléfico a que obedecem?

Mila percebe que para travar este exército das trevas não lhe bastam os indícios. Tem de dar à escuridão uma forma, um sentido, precisa de formular uma hipótese sólida, convincente, racional…

A minha opinião

Recebi este livro do Pai Natal livrólico organizado pela The Daily Miacis. Fiquei bastante curiosa e resolvi iniciar a leitura logo que acabei o Queimada Viva.

A Hipótese do Mal não é tão pesado quanto imaginava quando iniciei a leitura. Ok, há ali umas mortes estranhas, o mal anda de facto a passear por ali mas para thriller confesso que esperava mais. Há muito suspense, claro. Até porque queremos perceber porque raio andam os desaparecidos a aparecer e a matar gente mas... não sei, acho que lhe falta qualquer coisa (ou eu ando demasiado exigente com os thrillers).

Não me entendam mal. As personagens estão muito bem construídas, conseguimos sentir a angústia de Mila e o seu medo das trevas e a história tem a cadencia correcta. Há mistérios que vão sendo resolvidos enquanto surgem novos. Mas, por qualquer razão, e apesar de o ter lido de seguida (porque o livro realmente prende), houve qualquer coisa que falhou - pelo menos para mim - e nem sei sequer explicar o que foi.

De todo o modo, para aquela que, provavelmente, será a última leitura do ano, não está nada mal.

Leia aqui as primeiras páginas

Classificação: 

May we meet again

Já te inscreveste no segundo desafio de escrita dos Pássaros?

 Que esperam para me acompanhar no facebook e no instagram?

Conheces o meu blog generalista?

Autoria e outros dados (tags, etc)



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog

calendário

Setembro 2020

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930


Posts recentes


subscrever feeds