Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Uma Vida Adiada

por Magda L Pais, em 26.12.20

dita.jpg

Uma Vida Adiada | Memórias da bibliotecária de Auschwitz de Dita Kraus

Tradução de Jorge Candeias

ISBN: 9789899033115

Editado em 2020 pelas Edições Desassossego

Sinopse

Um livro envolvente, em que memórias vívidas e detalhadas se entrelaçam com a narrativa de um dos períodos mais traumáticos da História

Nascida em Praga em 1929 no seio de uma família judaica, Dita Kraus viveu durante um dos períodos mais turbulentos do século xx. Neste livro ela relata com impressionante clareza os horrores e as alegrias de uma vida adiada pelo Holocausto: das suas primeiras memórias e amigos de infância em Praga antes da guerra, à ocupação nazi que a enviou a ela e à sua família para o gueto judaico de Terezín, ao medo inimaginável da sua detenção em Auschwitz e Bergen-Belsen, e à vida depois da libertação.

Dita escreve com rigor sobre as difíceis condições dos campos, sobre o seu papel como guardiã da mais pequena biblioteca do mundo e sobre o papel fundamental que os livros tiveram como escape da realidade. E vai além do Holocausto, apresentando a vida que reconstruiu depois da guerra: o seu casamento com o sobrevivente Otto B. Kraus, a nova vida em Israel e a maternidade.

Esta é a verdadeira história da bibliotecária de Auschwitz contada pela sua protagonista.

A minha opinião

Li, em 2015, A Bibliotecária de Auschwitz de António Iturbe livro baseado na história de Dita e, portanto, assim que vi que biografia de Dita ia ser editada o meu primeiro pensamento foi: quero! quero muito!

(entretanto tambem descobri o site  https://www.ditakraus.com/ onde podemos conhecer ainda melhor a história extraordinária desta mulher)

Uma Vida Adiada é um livro bastante menos pesado que o anterior. O foco não é exactamente o que Dita passou nos campos de concentração mas toda a vida desta mulher que foi uma das mais novas sobreviventes dos campos de concentração.

A forma como Dita nos conta as suas memórias e tudo o que passou - antes, durante e depois da segunda grande guerra - faz com que nos sintamos na sua pele, que calcemos os seus sapatos e que soframos com ela.

Uma Vida Adiada é um livro de leitura obrigatória, não só pelos fãs de literatura sobre a segunda grande guerra mas também por todos os que se queixam da sua vida. Acreditem, a esmagadora maioria dos vossos problemas perdem a importância perante tudo o que Dita (e outras Ditas e Ottos) passou.

Ainda que eu seja um bloco de gelo, livros como este emocionam-me pela positiva. E fazem com que não nos esqueçamos do mais importante: é nossa obrigação tentar de tudo, ainda que contra a maré, para que nunca mais percamos a humanidade e deixemos que voltem a acontecer barbaridades como as que Dita viveu.

leia aqui as primeiras páginas

Classificação: 

(este livro foi-me oferecido pela Saída de Emergência em troca duma opinião honesta e sincera)

May we meet again

 Que esperam para me acompanhar no facebook e no instagram?

Conheces o meu blog generalista?

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 comentário

De Rute Justino a 26.12.2020 às 20:57

Deve ser magnifico!

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog

calendário

Dezembro 2020

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031